Imagens

Todas as imagens utilizadas em nosso site, foram retiradas do mecanismo de busca GOOGLE. Fotos com créditos, permanecerão com eles. E fotos retiradas diretamente do site de autores, receberão seus devidos créditos. As demais imagens, foram retiradas de uma origem sem identificação. Por isso, se sua imagem esta em nosso site e você queira retirá-la, por favor, nos envie um e-mail para ciageracaoprofetica@hotmail.com que faremos conforme seu pedido. As fotos retiradas do Google, em hípotese alguma, serão alteradas sem a devida autorização de seus autores. No mais, obrigada.

Seguidores

Receba nossa News Letter

15 de ago de 2012

Workshop "No mover o Espírito" - Testemunho

Redação Cia. Geração Profética

Olá amados! 

Trouxemos à vocês, mais um testemunho sobre um workpeiro que esteve conosco no dia 26 de Maio no workshop realizao pela Cia. Geração Profética, juntamente com o Ministério Ruach "No mover do Espírito". Esperamos que seja abençoado e eificado pelos testemunhos.

O testemunho do dia é da Gabrielle Stefanie. Ela faz parte o Ministério de dança "No mover do Espírito" e é vice-líder, juntamente com Débora Barros.



Bem... O que dizer sobre um dia maravilhoso como aquele?

O Workshop MUDOU MINHA VIDA, minha DANÇA. Me quebrantou verdadeiramente. Foi uma grande experiência.
Entendi que dançar não é apenas usar as mãos e os pés para dançar. E sim o corpo inteiro como objeto
de adoração. Houverão momentos que enquanto eu dançava, eu sentia que os passos saiam do mais profundo
de minha alma.

O workshop foi um aprendizado muito grande pra mim.





Aprendi a entregar à Deus, aquilo que Ele me deu. Aprendi a dar valor e a agradecer à Deus por cada momento
vivio com Ele e diante Dele. O Senhor mudou minha dança, minha expressão e sobretudo, quebrantou o meu coração.

Muitas vezes, eu dançava planejando e mentalizando qual movimento faria, e agora, eu tiro de dentro de mim,
do meu coração. É como se o próprio Deus viesse e me desse. 





Desde já, agradeço à Deus pela Cia. Geração Profética, pois através deles, o Senhor nos mostrou o que
precisávamos ver. Por que através deles, o Senhor nos disse o que precisávamos ouvir. E que através deles, o Senhor
nos ensinou o que precisávamos aprender. A lição? O que é verdadeiramente a dança como adoração!


Gabriele Stefanie

13 de ago de 2012

VAIDADE X ADORAÇÃO

Pessoal! 

Estou passando bem rápido (pois já-já tenho encontro) para compartilhar mais uma experiência com vocês.

No encerramento do mês de Maio, em uma conversa com Deus, o Senhor ministrou em minha vida que eu e toda a Cia, deveríamos ministrar apenas com a camisa da Cia, collant e Saruel preta durante dois meses inteiros. Em todos os eventos que fossemos. Sejam eles quais fossem. E assim fiz. Porém, não contei para as meninas da Cia. Apenas para autoridades espirituais em minha vida. 

Durante dois meses, estávamos nós, com o uniforme, coque, sem coreografias, sem uso de aparelhos e sem maquiagens artíticas. Apenas nós. 

 


Entendi que aquele período seria um período de matar o nosso ego, nossas vaidades e nossos exageros diante de Deus. Acredito que o Senhor quer sempre o nosso melhor, mas quase sempre, o nosso melhor não esta em uma mega coreografia, uma mega roupa, uma mega maquiagem...Mas esta no mais simples que temos. 


 


Muitas vezes nos comportamos como se fossemos enfeites de cultos. Queremos uma roupa diferente em cada culto. Queremos usar apetrechos; fita, vasos, bamboles, lenços... E enfeitamos nossa dança. Mas o que não podemos esquecer, é de que não pode haver enfeites em nossa adoração. A vaidade tem escondido a adoração. E isso não pode acontecer em nosso meio.


 


A vaidade tem sido um pecado cometido em muitos ministérios, e exatamente por isso, entendi que deveria compartilhar isso com vocês. Um pecado que estava infiltrado, inclusive, em meu ministério. Todos os eventos, queríamos uma roupa diferente. Em toos os cultos, um penteado, uma maquiagem, ou um aparelho diferente... Já não sabíamos mais se erámos levitas, ou enfeites de culto. Então, o Senhor colocou um espelho diante de nós e abriu nossos olhos.







Nosso período encerra hoje. E sei que hoje começa mais um novo ciclo em nosso ministério e em nossa Cia. Não digo que tenha sido um propósito apenas, mas um jejum (abster-se de algo) com um propósito. Onde queriamos que as pessoas enxergassem apenas nossa adoração. E que assim, ela chegasse ao coração do Pai. E creio que foi um período bem sucedido.









Que dia-a-dia você venha sentir mais fome, mais sede, mais fogo, mais amor, mais vida de Deus em você. E que a preocupação de adorá-lo com seu corpo, seja muito maior que a sua vaidade.

Beijos e queijos, com paz, amor e glória!




11 de ago de 2012

De quem é a culpa?

Por Thaís Lira

Hoje, tive mais uma devocional com Deus. Onde mais uma vez, Ele falava sobre mudanças e sobre o "eu", sobre o "mim". 

A primeira pergunta que fiz à Deus foi a seguinte:
"Por que as coisas, as pessoas e nós mesmos, mudamos o tempo todo?"

E me vieram algumas palavras, que entendi serem respostas e direções.

"Seja porém a palavra do homem, Sim ou Não. O que passar disso vem do maligno". (Mateus 5.37)

 

O ser humano desde a criação, toma decisões erradas e têm atitudes erradas, e geralmente colocam a culpa em algo ou em alguém. As vezes, até no próprio Deus. 

No Eden, Eva comeu o fruto e colocou a culpa na serpente, Adão comeu o fruto e colocou a culpa em Eva. A serpente, por sua vez, colocou o fardo sobre Deus. Afinal, por que é que haveria uma árvore do conhecimento do bem e do mal, criada por Deus, e não servisse de alimento? Dessa forma a culpa é de Deus.

Da mesma forma acontece conosco, no cotidiano, em situações comuns. Como por exemplo, quando falamos da forma errada e dizemos: "É o meu jeito. DEUS me fez assim". Ou "Eu vou tomar essa decisão, por que Deus tem o melhor pra mim. E não é isto que esta acontecendo aqui".

 

1. Deus é o seu Criador. Mas não é Ele quem forja o seu caráter (a não ser que você esteja disposto a se re-educar novamente com Deus à frente, te moldando novamente e forjando o teu caráter e aperfeiçoando tus personalidade), e sim seu pai, sua mãe, e em determinada idade, você mesmo. Por isso, não diga que "Deus te fez assim". Deus te fez com um caráter perfeito, mas houve interferência humana, mais uma vez. Você precisa mudar sim! Reconheça isso. E mesmo que seja uma caracteristica de personalidade muito difícil, você, reconhecendo que precisa mudar, estará se esforçando para isso.

2. Assim como foi com Adão e Eva, Deus nos testa. Colocou diante deles um teste com grande nível de dificuldade, para ver até onde iria a vontade do homem de colocar-se no lugar de Deus. E pela primeira vez, o homem tomou uma decisão errada. O homem quis colocar-se no lugar de Deus. Decisão que afetou toda a humanidade para o resto ds existência humana. Quantas vezes nós nos colocamos no lugar de Deus (ou tentamos) e tomamos decisões erradas que irão prejudicar não apenas à nós, mas ao nosso ministério, nossa liderança, nossos liderados, nossos colegas de trabalho, nossos professores, nossos alunos, nossls familiares e até mesmo nossos conjugês? Sim. Pois o homem tem o poder de influenciar quem esta ao seu redor. Então, Deus se decepciona, mais uma vez. Deu a Eva a grande missão de conduzir os humanos pela eternidade, e Eva resolve deixar seu ego falar mais alto. O que era perfeito, torna-se imperfeito. O jardim cheio de flores e brotando rios de àguas vivas, com tempo, esta vazio e ser flores. O medo vem. A tempestade vem. As dores vêm. As mortes...

 

Desde o grande pecado, temos que morrer todos os dias. Não digo de morte fisica. Mas moete de ego. Todos os dias, temos que morrer. Morrer para nossas vontades, para nossas decisões precipitadas, para nosso apetite carnal, para nós mesmos. "É necessario que Deus cresça e eu diminua". 

O que temos que pedir hoje é que o Senhor forje nosso carater. Que esteja a frente de nós, nos dando força para dizer sim e manter nosso posicionamento, e também para dizer não e mantê-lo, se aquilo for o correto.

 

A partir de hoje, que Deus esteja a frente de suas decisões. Que não seja o seu ego, a sua vontade, o seu desejo, a sua carne, o seu coração, a sua mente. E sim a vontade de Deus em você. Que suas palavras sejam todas a palavra revelada da parte de Deus através de sua boca. Que sua fé seja inabalável, assim como o seu chamado. E que a partir de hoje o "Sim, sim a Cristo" valha a pena e o "Não, não à mim mesmo" também. 

Amém, amém!

Publicado originalmente em "Dançaremos":  https://www.facebook.com/groups/dancaremos/

10 de ago de 2012

5º Aniversário Grupo de Dança Baluarte


Shalom Adonai!

Já faz algum tempo que não passo por aqui. Estamos em trabalho, correndo muito e preparano coisas muito especiais para vocês. Estivemos em alguns eventos bem legais, porém não conseguimos passar por aqui para deixar convites, banners e conviá-los. Mas trouxe um resumo de um evento muito especial que tivemos a honrar de participar.

No início do meu ministério, eu fiz parte do Grupo de dança Baluarte, que há cinco anos é liderado por Shirley Ferreira, minha tia, amiga e pra sempre, líder. Hoje, não fazemos parte do mesmo ministério, mas temos um relacionamento bastante especial, talvez, tanto quanto antes, pois agora, não é laços sanguineos que nos une, e sim, a dança.



Estivemos no quinto aniversário do Grupo de Dança Baluarte. A Cia foi representada por mim, em um solo e dança Profética com a música "O que queres de mim" - Thalles Roberto. E para a glória de Deus, foi maravilhoso. Deus falou comigo e com a igreja.

O tema do evento estava enfatizado em "Corro para Ti" e foi lindo! As meninas trouxeram coreografias bem elaboradas e limpas. ireção da Shirley! Foi muito legal. Porém, eu falo melhor sobre o evento, quando eu passar as fotografias para o computador.

Enquanto isso, vocês podem conferir o vídeo de algumas cenas o evento. O Evento tem pretenções para ser passado para DVD. E teve a direção o meu primo e filho da Shirley, o Guilherme Brazil! Confere ai!


5° ANIVERSÁRIO do Grupo de Dança BALUARTE // CENAS DO DVD from BOOM FILMES on Vimeo.

Espero que tenham gostado!
Beijos e queijos, com amor, paz e glória;

Thaís Lira - Dir. Cia. Geração Profética